Mandala Astrológica


A Mandala Astrológica




O ano astrológico começa no equinócio de Outono, no dia em que o Sol entra no signo de Áries, primeiro signo do Zodíaco.


Em 2016, seu início se dará às 4h32 de 20 de março (horário de Brasília).



Usado no ciclo de desenvolvimento de um ano, esta leitura é atemporal e também, pode ser feita na virada do ano astrológico ou no aniversário da pessoa.


Este sistema de leitura de tarot é um dos mais completos. As 12 casas num mapa astral individual indicam os principais aspectos que envolve sua vida (amor, saúde, trabalho, dinheiro, família, estudo, destino, etc). Neste método, 12 cartas são dispostas em círculo, assim:






Pode-se fazer uma segunda rodada de cartas com arcanos menores, numa mandala dupla, pois os arcanos maiores representam os acontecimentos e com os arcanos menores podemos ver como esses acontecimentos de desenrolam, como apoio ou nossa reação diante deles.

A carta final, a décima terceira, representa o consulente. Colocada no final, ela é a pessoa na hora do seu nascimento. Esta carta dará a direção interior do cliente ao longo do novo ciclo.


Entre em contato para sua leitura: ateliermandalii@gmail.com



Características de cada casa:


Casa 1 - ÁRIES - Identidade básica

Características internas de comportamento, temperamento

a aparência, a vitalidade e a constituição física

Avó (mãe do pai), irmãos dos amigos

Cabeça e rosto, olhos, ouvido esquerdo, cérebro, músculos, movimento e sangue, aparelho genital masculino

Representa a trajetória da pessoa ao longo do novo ciclo, e o tema que funcionará como um pano de fundo que permeará todos os acontecimentos. A característica mais marcante da sua jornada durante todo o período. No plano físico rege a cabeça, e as funções neurológicas.



Casa 2 - TOURO - Valores pessoais

Dinheiro e bens adquiridos pelo trabalho

os ganhos e perdas financeiras, a administração

Os pais dos amigos e os amigos da mãe

Pescoço e garganta, língua, laringe e sistema linfático

O mundo das finanças, dinheiro, bens... Mas também valores pessoais a serem reforçados ou reavaliados ao longo da nova fase. Rege também os dons e talentos naturais que trazemos de modo potencial em nossa personalidade e que podem, ou devem conforme cada caso, ser mais bem explorados. No plano físico rege garganta, ouvidos e nariz.



Casa 3 - GÊMEOS - Interação

Comunicação, escritos, documentos

estudos, criação intelectual, as pequenas viagens, as trocas e o comércio, os vizinhos

Os irmãos e irmãs, colegas e professores da escola primária, secretários

Ombros, braços e mãos, sistema nervoso e respiratório

As comunicação com o meio ambiente, e também a relação com os parentes mais próximos, como irmãos, tios, tias, sobrinhos etc, mas também com os vizinhos. As viagens curtas, os boatos e as notícias que chegam de modo casual se apresentam aqui. No plano físico rege pulmões e os membros superiores, braços e mãos.




Casa 4 CÂNCER - Raízes e vida privada

Lar, o passado, a infância, os bens imobiliários

o domicílio; a hereditariedade, as raízes, a história

A mãe, os bens dos irmãos, primos por parte de pai e sogro

Peito, seios, estômago, órgãos femininos (ovários e útero), cérebro

A relação com os pais e a família ancestral, em especial a relação com a mãe. Revela traços e memórias da infância que ainda podem se fazer presentes. A relação com a nossa casa no aspecto emocional, tanto quanto no aspecto prático de propriedade. No plano físico rege o estômago e as mamas.




Casa 5 - LEÃO - Exaltação e criatividade

Amores, a criatividade; as diversões, jogos, ganhos pela sorte, especulações

vestuário; a educação.

Os filhos, os bens da mãe, noiva (o), amantes e os amigos do cônjuge

Coração, costas e ombros, artérias, diafragma e o lado direito do corpo

A criança dentro de nós, ou uma criança real (Filhos). Criatividade, autoexpressão, autoerotismo, prazer, lazer, formas e ou locais de se divertir. Revela também os romances e as aventuras sexuais. No plano físico rege o coração



Casa 6 - VIRGEM - Organização e dia-a-dia

Serviço diário, os colegas, assistentes e subordinados

a saúde, a higiene, a alimentação e as doenças agudas; animais domésticos

Tios e tias maternos, os conselheiros e instrutores

Intestino delgado e plexo solar, músculos e nervos

Esta casa mostra como a pessoa vive sua rotina no dia a dia, e revela as tendências para a saúde como um todo, bem como sono, alimentação e tudo o que auxilia na prevenção ou no surgimento de sintomas físicos. Rege também o modo com que utilizamos dos dons e talentos naturais (ver casa II), a relação com colaboradores ou empregados, e os animais de estimação. No plano físico rege os intestinos, os cuidados com o corpo e a higiene pessoal.



Casa 7 - LIBRA - Relacionamentos e parcerias

Casamento, as relações íntimas, sócios e companheiros

contratos e processos, os conflitos, os concorrentes e os inimigos declarados

O cônjuge, os avós maternos e sobrinhos

Rins, quadris e nádegas, o genital feminino e o baixo ventre

Rege o casamento, as sociedades e parcerias e tudo o que se refere ao outro. As situações de litígio aqui se referem à relação com o outro, seja pessoal ou de trabalho. Revela o que se espera das pessoas e o modo do indivíduo de se relacionar, e como ele busca a harmonia nas relações. No plano físico rege os rins e as vias urinárias.



Casa 8 - ESCORPIÃO - reciclagem e investimentos

Sexo, transmutação e morte; as heranças e presentes; psiquismo

Os negócios e finanças do cônjuge ou sócios, os amigos do pai

Sistema reprodutor, sistema urinário e excretor

A sexualidade com o outro e as relações de cunho mais profundo ou intenso. Por ser a casa da morte e do renascimento ela nos mostra o que precisamos transformar para evoluir. Revela tanto morte quanto perdas. As sociedades secretas, a magia e o ocultismo como um todo são seus elementos, bem como os sentimentos ocultos sobre coisas ou pessoas são mostrados aqui. Heranças e investimentos financeiros também estão sob sua égide. No plano físico rege os órgãos sexuais, os ovários, os testículos, e os órgãos excretores como ânus e reto.



Casa 9 - SAGITÁRIO - Filosofias e metas de vida

Os ideais, os estudos superiores, as grandes viagens e o estrangeiro, comércio internacional ou por atacado

a religião, a lei e a filosofia

Cunhados, os netos, professores e colegas de curso superior

Músculos e coxas, fígado, quadris e artérias

Os sonhos e metas pessoais, os ideais de vida, o modelo de vida que se almeja no futuro. Ideais políticos, as motivações espirituais ou religiosas (se houver). O ensino superior, graduações de nível acadêmico ou espiritual. As viagens longas e os assuntos relacionados ao estrangeiro, ou a temas alienígenas como um todo (como a ufologia). A justiça num sentido mais abrangente. Os litígios aqui se referem a grandes corporações, instituições, ou o próprio Estado. No plano físico rege as pernas e o fígado.


Casa 10 - CAPRICÓRNIO - Status e profissão

Carreira, a vocação, o prestígio social e profissional, os empreendimentos, as relações com as autoridades

O pai, sogra, primos por parte de mãe; patrão, superiores e patrocinadores

Joelhos e pernas, ossos e pele, dentes e ouvido direito

A carreira, o trabalho no sentido de uma missão a ser cumprida. A imagem que se passa para o mundo. A posição que se ocupa, ou que nos colocamos, no trabalho e na sociedade. A relação com chefes, líderes e a autoridade. Mostra a relação com a figura do pai. No corpo físico rege os joelhos, a coluna, os ossos, pele e dentes.




Casa 11 - AQUÁRIO - Amigos e tribos

Amizades, as simpatias e proteções, as esperanças, projetos e planos

os lucros dos empreendimentos, os clubes e associações

Genros, noras e os bens do pai.

Tornozelos e barriga da perna, cérebro, circulação sangüínea e a energia nervosa

Os amigos e os grupos de afinidade. Locais onde se reúnem muitas pessoas, como festas, agremiações, clubes, associações, sindicatos, fraternidades, etc. Também é a casa dos grandes Mestres, aquelas pessoas que nos estimulam ou nos inspiram a uma grande reforma de vida. No corpo rege tendões e ligamentos, e também o sistema circulatório.



Casa 12 - PEIXES - Sistemas de fé

O servir altruísta, a vida religiosa ou mística, os sacrifícios e as provas, as limitações, as práticas veladas, os vícios

Tias e tios paternos, protetores secretos e inimigos ocultos

Pés, sistema linfático e tecido adiposo

Esta é a casa do desenvolvimento espiritual, da meditação e das experiências místicas mais profundas. Como também da caridade, do auxilio desinteressado ao próximo, da compaixão e das ações de filantropia. Bem como dos desafios kármicos, dos eventos que nos desafiam a crescer enquanto indivíduos. Sendo assim simboliza os temas de difícil acesso no novo ciclo. Rege também o isolamento, quer seja ele voluntário como em retiros para repouso ou meditação, quer seja ele forçado como em internações hospitalares, ou uma parada simples para tratar da saúde. Experiências que nos forçam a refletir e revisar a vida. No corpo físico rege os pés e o sistema imunológico.