sexta-feira, 25 de novembro de 2016

A herança de nossos antepassados que atravessa gerações





A herança emocional é tão decisiva quanto intransigente e impositora. Estamos enganados quando pensamos que a nossa história começou quando emitimos o nosso primeiro choro. Pensar dessa forma é um erro, porque assim como somos o fruto da união do óvulo e do esperma, também somos um produto dos desejos, fantasias, medos e toda uma constelação de emoções e percepções que se misturaram para dar origem a uma nova vida.

Atualmente falamos muito sobre o conceito de “história familiar”. Quando uma pessoa nasce, ela começa a escrever uma história com suas ações. Se observarmos as histórias de cada membro de uma família, encontraremos semelhanças essenciais e objetivos comuns. Parece que cada indivíduo é um capítulo de uma história maior, que está sendo escrita ao longo de diferentes gerações.

“A verdade sem amor dói. A verdade com amor cura. ”-Anônimo-

Esta situação foi muito bem retratada no livro “Cem Anos de Solidão”, de Gabriel García Márquez, que mostra como o mesmo medo é repetido através de diferentes gerações até que se torna realidade e termina com toda uma linhagem. O que herdamos das gerações anteriores são os pesadelos, os traumas e as experiências mal resolvidas.


A herança de nossos antepassados que atravessa gerações

Esse processo de transmissão entre as gerações é algo inconsciente. Normalmente são situações ocultas ou confusas que causam vergonha ou medo. Os descendentes de alguém que sofreu um trauma não tratado suportam o peso dessa falta de resolução. Eles sentem ou pressentem que existe “algo estranho” que gravita ao seu redor como um peso, mas que não conseguem definir o que é.

Por exemplo, uma avó que foi abusada sexualmente transmite os efeitos do seu trauma, mas não o seu conteúdo. Talvez até mesmo seus filhos, netos e bisnetos sintam uma certa intolerância em relação à sexualidade, ou uma desconfiança visceral das pessoas do sexo oposto, ou uma sensação de desesperança que não conseguem explicar.
Essa herança emocional também pode se manifestar como uma doença. O psicanalista francês Françoise Dolto, disse, “o que é calado na primeira geração, a segunda carrega no corpo”.

Assim como existe um “inconsciente coletivo“, também existe um “inconsciente familiar”. Nesse inconsciente estão guardadas todas as experiências silenciadas, que estão escondidas porque são um tabu: suicídios, abortos, doenças mentais, homicídios, perdas, abusos, etc. O trauma tende a se repetir na próxima geração, até encontrar uma maneira de tornar-se consciente e ser resolvido.
Esses desconfortos físicos ou emocionais que parecem não ter explicação podem ser “uma chamada” para que tomemos consciência desses segredos silenciados ou daquelas verdades escondidas, que provavelmente não estão na nossa própria vida, mas na vida de algum dos nossos antepassados.



O caminho para a compreensão da herança emocional

É natural que diante de experiências traumáticas as pessoas reajam tentando esquecer. Talvez a lembrança seja muito dolorosa e elas acreditam que não serão capazes de suportá-la e transcendê-la. Ou talvez a situação comprometa a sua dignidade, como no caso de abuso sexual, em que apesar de ser uma vítima, a pessoa se sente constrangida e envergonhada. Ou simplesmente querem evitar o julgamento dos outros. Por isso, o fato é enterrado e a melhor solução é não falar sobre assunto.

Este tipo de esquecimento é muito superficial. Na verdade o tema não está esquecido, a lembrança é reprimida. Tudo que reprimimos se manifesta de uma outra forma. É mais seguro quando volta através da repetição.

Isto significa que uma família que tenha vivenciado o suicídio de um dos seus membros provavelmente vai experimentá-lo novamente com outra pessoa de uma nova geração. Se a situação não foi abordada e resolvida, ficará flutuando como um fantasma que voltará a se manifestar mais cedo ou mais tarde. O mesmo se aplica a todos os tipos de trauma.

Cada um de nós tem muito a aprender com os seus antepassados. A herança que recebemos é muito mais ampla do que supomos. Às vezes os nossos antepassados nos fazem sofrer e não sabemos o porquê.

Talvez tenhamos nascido em uma família que passou por muitas vicissitudes, e não saibamos qual é o nosso papel nessa história, na qual somos apenas um capítulo. É provável que esse papel nos tenha sido atribuído sem o nosso conhecimento: devemos perpetuar, repetir, salvar, negar ou encobrir as feridas destes eventos transformados em segredos.

Todas as informações que pudermos coletar sobre os nossos antepassados serão o melhor legado que podemos ter. Saber de onde viemos, quem são essas pessoas que não conhecemos, mas que estão na raiz de quem somos, é um caminho fascinante que só nos trará benefícios. Isto nos ajudará a dar um passo importante para chegar a uma compreensão mais profunda de qual é o nosso verdadeiro papel no mundo.





Fonte: amenteemaravilhosa.com.br

domingo, 20 de novembro de 2016

Dicas mágicas para harmonizar sua casa


Conheça nossas dicas para harmonizar sua casa, local de trabalho e até mesmo se proteger contra energias negativas do dia a dia.


Barulhinho bom


Barulhinhos como os sinos de vento são perfeitos para manter sua casa cheia de boas energias. Eles atraem e espalham a energia positiva e afastam as energias negativas, trazendo equilíbrio e tranqüilidade para a casa. O ideal é que sempre seja colocado na entrada da casa, e se foi apartamento, na varanda ou na janela.


O movimento vibrante e seus som renovam as energias pessoais e ajuda a acalmar nosso lado psíquico e emocional. Tudo isso tem relação com a renovação e equilíbrio das energias nossas e do ambiente. 


Xô Olho Grande

Olho Grego


Considerado um talismã que simboliza a sorte, a energia positiva, a limpeza, a saúde, a luz, a paz, a proteção, bem como o olhar divino que protege as pessoas contra os males e a inveja.

Seja de vidro, crochê, pintura, coloque na parede ou na entrada da casa. 


Olho de Hórus


Símbolo proveniente do Antigo Egito que significa poder e proteção.

Use como pingente no colar, tatuagem... seja criativa (o).


Plantinhas contra urucubaca

Pimentinhas


Além de alegrar com suas cores, são perfumadas, protegem contra olho gordo e mau olhado e purificam o ambiente. Coloque na cozinha, em vasos nas mesas, sacadas e até mesmo na sala. 


Vaso de sete ervas

Arruda, espada de são jorge, guiné, pimenta, alecrim, manjericão e comigo-ninguém-pode são plantas comumente usadas em vasos e colocada próxima a porta de entrada da casa para limpar o ambiente e afastar problemas.


Sal grosso


Coloque atrás da porta de entrada da casa em um copo com água. O sal filtra todas as energias que entram. Troque uma vez por semana.


Figas


Coloque atrás das portas, pendurada com uma fita vermelha, ou use na bolsa, carteira ou como pingente. Afastam mau olhado e protege contra males físicos e espirituais,


Hamsá


Conhecida como Mão de Fátima ou Mão de Deus, usada como amuleto por diversas religiões. protege sua casa e você. deve conter cinco dedos, como a mão humana.


Estrela de Davi



Estrela de seis pontas, símbolo antigo de proteção. Muita usada para proteção como pingente.


Atraia as boas vibrações

Arrumando e organizando seu quarto.

Arrumando o jardim para fluir as energias.

Organizando o banheiro, para neutralizar as energias negativas.

Deixe a casa cheirosa acendendo um incenso, criando um ambiente propício e relaxante.

Ventile e ilumine sua casa deixando janelas abertas.

Enfeite sua casa com objetos bonitos. Símbolos como elefantes e peixes atraem a prosperidade.

Confeccione um saquinho de pano e ponha dentro: Cascas de alho, casca de cebola, alecrim, louro, sálvia e pedra de sal. Protege o ambiente de energias negativas e purifica também.


Doze ervas que se deve ter em casa


Não é preciso morar no campo para aproveitar as propriedades provenientes das ervas. Ótimas purificadoras de ambientes, elas funcionam como protetoras da casa, quando plantadas em floreiras ou compondo arranjos. Muitas delas são associadas a símbolos de riqueza, prosperidade, amor. Os diferentes aromas e formas estimulam sensação de bem-estar e, ajudam a atrair coisas boas para o dia-a-dia.

Alho - tradicional amuleto de proteção e boa sorte. Na Roma Antiga, era mastigado cru antes de os soldados irem para as batalhas, pois dava resistência e força para enfrentar o inimigo. É fácil cultivá-lo em casa, basta enterrar um dentinho num vaso. Plante na cozinha ou mantenha sempre uma réstia de alho pendurada perto do fogão. Isso mantém a família unida e protegida das más influências”.

Artemísia - erva da vitalidade e do entusiasmo. Ajuda a superar períodos de cansaço ou baixa de energia. O nome vem do grego Artemis, evocando a deusa da fertilidade e da feminilidade.

Arruda - utilizada pelas benzedeiras para espantar o mau-olhado, essa erva de cheiro forte tem efeito protetor, simbolizando o arrependimento. É ótimo tê-la por perto, estimula a consciência dos próprios erros e ilumina as decisões mais acertadas.

Malva - planta dos prazeres e da beleza. Suaviza os ânimos, ressalta as características femininas na mulher e desperta a sensibilidade nos homens. Facilmente cultivada em vasos, embeleza a casa e estimula a paixão. Quando quiser conquistar alguém, coloque folhas de malva debaixo do lençol. No mínimo, o perfume será muito agradável.

Manjericão - erva associada à riqueza, à abundância e à boa sorte. Diz a lenda que ter em casa os sete tipos diferentes de manjericão traz dinheiro e prosperidade. Plante as mudas ou sementes em lugar ensolarado e, quando começarem a crescer, o dinheiro estará chegando. Os ramos também podem ser usados em arranjos e duram cerca de uma semana na água. Essa erva perfuma e embeleza os ambientes, com efeito estimulante e revitalizador.

Tomilho - uma plantinha cheirosa e de fácil cultivo. Fica bonita em vasos, mas as pequenas folhas secas também aromatizam os ambientes. O nome vem da palavra grega thymia, que significa perfume. Ótima para afugentar melancolia e estimular vigor e lucidez na hora de tomar decisões importantes.

Sálvia - o nome vem do latim, salvare, que evoca a cura. Era com a queima da sálvia que os curandeiros combatiam a peste e purificavam o ar dos ambientes infectados. Em casa, um vaso de sálvia protege os moradores contra acidentes e doenças graves. A erva seca é usada na defumação. Nas duas formas promove a sensação imediata de força e bem-estar.

Hortelã - importante ter essa erva por perto quando a casa está em guerra, em tempos de turbulência e conflitos. Ajuda a dissolver a raiva e controla as atitudes precipitadas. Essa planta tem efeito calmante e harmonizador. Tê-la em vasos ou arranjos, tomar chá ou banho com ela apazigua os ânimos.

Salsinha - famoso tempero, também é conhecido como a erva da juventude. Cultivar um vaso ou canteiro de salsinha traz entusiasmo, restaura a força e a saúde dos moradores. Além de ser um anticanceroso intenso e de regular o ciclo menstrual, a erva, usada no banho de infusão, elimina as energias negativas do corpo e dá ânimo.

Louro - erva da fama e da glória. Na tradição greco-romana, imperadores, heróis e poetas usavam coroas de louro como sinal de que eram pessoas muito importantes. Ela tem propriedades purificadoras e relaxantes. As folhas frescas ou secas mantêm-se sempre verdes. Colocadas no quarto, sobre a mesa ou no armário de roupas exalam perfume suave e atraem êxito.

Mirra - essa preciosa erva de origem oriental foi oferecida pelos Reis Magos ao menino Jesus recém-nascido. É uma planta de proteção e cultivá-la num vaso na entrada da casa traz bons fluidos a quem chega, protegendo os ambientes de qualquer negatividade. Coloque as folhas em peneiras e, depois de secas, queime-as. É um incenso natural muito agradável.

Alecrim - erva da felicidade e do amor: Quem está procurando um namorado deve guardar sempre um galhinho junto ao corpo. O nome científico é Rosmarinus officinalis, que quer dizer orvalho do mar, simbolizando a inocência. Essa planta é forte e ao mesmo tempo delicada, gosta de sol e de vasos grandes. Em arranjos, os galhos combinados com rosas são a própria expressão do romantismo. As bruxas da Idade Média costumavam queimar alecrim para espantar maus espíritos, purificar a energia de pessoas e lugares. 


Rituais e simpatias para atrair prosperidade no lar

Grãos da prosperidade

Materiais:
1 bomboniere pequena
100 Gramas de ervilha, lentilha, arroz com casca, amendoim, grão-de-bico e trigo em grão. (100 gramas de cada)
3 moedas atuais com valores variados
1 quartzo-citrino

Modo de fazer:
Coloque dentro da bomboniere os grãos e misture bem, coloque em cima as três moedas em forma de triangulo e no meio delas coloque o quartzo-citrino.
Deixe energizando por três noites a luz da lua crescente, peça aos ciganos encantados que apresentem nos grãos sua força energia para que nada falte em seu lar, após o terceira noite coloque em um móvel alto, como se fosse um bibelô.


Simpatia do arroz para prosperidade


Arroz cru, 
6 moedas antigas, 
1 maçã, 
1 tigela branca pequena e 
6 folhas de louro 

Ponha na tigela o arroz cru, por cima as 6 moedas antigas. Coloque a maçã por cima de tudo, e as folhas de louro em volta.

Mantenha dentro de sua casa em local apropriado. Troque a maçã quando for necessário.

Deve permanecer em casa no máximo um mês. Você poderá refaze-la novamente assim que achar necessário.


Magia da abundância

Esta é mais uma magia fácil e rápida de fazer com resultados ótimos para atrair abundância na vida.
Espere por uma noite de Lua Crescente para fazer esta magia.

Então você vai utilizar:

Uma vela de sete dias amarela
Uma xícara de café de noz moscada,
Quatorze cravos-da-índia.

Acenda a vela de sete dias num local seguro
Misture a noz-moscada e o cravo-da-índia em uma vasilha e enquanto mistura diga este encantamento:

“Da abundância quero proximidade,
agora eu invoco o toque da prosperidade,
que assim seja!”

Depois deixe o potinho ao lado da vela até ela terminar de queimar, mais ou menos uma semana.
Quando a vela acabar de queimar, enterre a mistura do potinho perto da porta de entrada de sua casa, pode ser em vaso.


Fonte: alemdamagia.com

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Rituais para a Super Lua Cheia




As super Luas são também oportunidades energéticas raras para realizar rituais com vista à realização dos nossos desejos, pois como a Lua está mais próxima da Terra a sua energia é mais forte e é mais poderosamente sentida.Se deseja que algumas situações mudem na sua vida prepare-se e aproveite esta energia para encontrar emprego, ter mais dinheiro ou mesmo alcançar a vitória numa causa que parece impossível de resolver

Aqui você encontra 3 rituais bacanas para fazer na Super Lua Cheia.



Aumentando o poder de Mercúrio

Você vai precisar de:

Uma vela amarela
Pedras comuns
Tinta amarela
Jarra com água
Glitter dourado
Pétalas de rosa amarela
Incenso

Cubra o local que vai usar com um papel e coloque uma jarra cheia de água no meio. Abra seu ritual com uma oração de costume. Acenda a vela. Peça aos espíritos de Mercúrio que venham ajudá-lo nesse ritual sagrado para que a energia de Mercúrio se manifeste em sua vida. Mercúrio rege comunicação, transportes, dinheiro, vendas, estudos, comércio, dentre outras coisas. Deixe claro o que quer que ele lhe traga. Pinte as pedras de amarelo enquanto fala com os espíritos da esfera de mercúrio sobre o que deseja. Quando terminar, vá colocando pedra por pedra em espiral, com a jarra no meio. Espalhe as pétalas de rosa na água. Salpique o pó de ouro sobre as pedras. Acenda o incenso e vá fazendo espirais com ele, pedindo o que você quer. Quando terminar, deixe o incenso e a vela queimarem até o fim. Retire as pétalas e beba a água. Junte as pedras e use-as sempre que desejar que a energia de Mercúrio centralize. Pode colocar outra jarra com água quando desejar e só fazer a espiral, deixando lá por uma hora pelo menos.



Prosperidade de Júpiter

Você vai precisar de:

Quatro velas azuis índigo
Folhas de louro
Notas de dinheiro
Moedas
Alecrim
Milho
Pó Chama-Dinheiro (se tiver)
Glitter dourado
Fermento
Incenso de canela ou similar

Reúna seu material num lugar tranquilo. Abra seu ritual com uma oração de costume. Passe o pó de ouro em cada uma das velas, agradecendo pela prosperidade e abundância ilimitada. Acenda-as formando um quadrado. Acenda o incenso. No meio, coloque um prato. Passe na chama das quatro velas e na fumaça do incenso as notas de dinheiro, pedindo que ele se multiplique e nunca falte na sua carteira, na sua vida e na sua conta. Coloque as notas no prato. Cubra então com folhas de louro, alecrim, milho e moedas. Salpique o fermento por cima, firmando seu decreto de que o dinheiro vai crescer e fluir na sua vida durante todo o ano. Salpique por cima o pó chama-dinheiro (se tiver).
Visualize o que você deseja por alguns minutos. Agradeça e deixe tudo lá até as velas se apagarem. Quando se apagarem, recolha as notas de dinheiro. Fique com uma como talismã que não deve ser gasta e deve ser guardada na sua carteira. O resto, pode gastar (de preferência em coisas que você goste). Junte o conteúdo do prato e faça um banho, fervendo tudo. Coe e tome esse banho do pescoço para baixo. Pode colocar num pulverizador e vaporizar também pela casa, escritório, carteira, caixa registradora, onde quer que você queira que o dinheiro flua!




Magia para relacionamentos

Pode ser feita em qualquer momento, mas será especial se você conseguir fazer essa magia na Super Lua

Você vai precisar de:

Uma vela dourada ou amarela
Uma vela rosa ou vermelha
Uma vela branca
½ metro de fita dourada ou amarela
½ metro de fita rosa ou vermelha
½ metro de fita branca
Caneta
Uma poção ou perfume de sua preferência
Incenso de canela

Escreva seu nome na vela branca com a ponta de uma faca. Pegue a vela dourada e acenda, pedindo que os Espíritos do Sol coloquem nela sua presença divina. 
Acenda a vela rosa ou vermelha pedindo que os Espíritos de Vênus coloquem nela sua divina energia. Acenda a vela branca, pedindo aos seus mentores que permitam que ela represente você. Coloque a vela branca no meio das outras duas e acenda o incenso. 
Escreva na fita dourada seus pedidos de fortuna, riqueza, sucesso, fama, clientes, etc. 
Escreva na fita rosa ou vermelha seus pedidos de amor, paixão e relacionamentos amorosos saudáveis. Escreva na fita branca seu nome completo com data de nascimento. 
Passe as três fitas, uma a uma, nas chamas das velas e na fumaça do incenso, dizendo seus pedidos.
Borrife a poção ou perfume nas fitas e dê um nó, unindo as três numa ponta. Faça uma trança, visualizando tudo o que você deseja. 
Quando terminar. Cerque as celas com essa trança de fita, formando um círculo (uma as duas pontas), dizendo:

O que está feito, não pode ser desfeito!
Com a glória do dia de hoje eu faço essa magia!
Com o poder do sol eu trago o sucesso!
Com o poder de Júpiter eu trago a prosperidade!
E assim como o círculo é eterno,
Eterna é minha alegria, amor, abundância e sabedoria!
E meus pedidos são realizados em luz e graça!
Assim seja, assim se faça! Assim seja, assim é! Assim seja, assim está feito!
Deixe tudo lá até que as velas terminem. Coloque essa fita em algo com sua energia, como gaveta de roupas, ou cabide com sua roupa favorita.